RADIO BOAS NOVAS ON LINE

RÁDIO BOAS NOVAS ON LINE, CLIQUE NO PLAYER

Últimas Notícias

Tião Viana é autorizado a contrair empréstimos que totalizam quase R$ 600 milhões

http://contilnetnoticias.com.br/wp-content/uploads/2016/03/tiaovianasena.jpg O governador do Acre, Sebastião Viana, do PT, começa a colher os frutos do jantar que participou com o presidente da República, Michel Temer (PMDB), em junho deste ano, quando ficou pactuado o refinanciamento de dívidas dos Estados com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). A 10 meses das eleições 2018, o Acre foi autorizado a contratar, com a garantia da União, dois empréstimos – de R$ 205,260 milhões e de R$ 383,202 milhões.
Com a chamada “securitização” dos débitos, o governador petista terá dinheiro no caixa para tentar viabilizar projetos do interesse de sua administração e de quebra tentar eleger seu sucessor ao Palácio Rio Branco. O Ministério da Fazenda autorizou a assinatura de aditivo de contrato da dívida entre o Estado e a União, no âmbito da renegociação da dívida dos Estados, autorizada por lei em dezembro de 2016. A autorização foi publicada no Diário Oficial da União (DOU).
A administração petista do Acre terá direito ao dinheiro após manifestações do Tesouro Nacional, Procuradoria Geral da Fazenda Nacional, e Advocacia Geral da União, ampliando a dívida do Estado com a União e prolongando o parcelamento das dívidas. Os reflexos das dívidas contraída por Sebastião Viana serão sentidas pelos próximos chefes do executivo que assumem as parcelas de empréstimos e renegociações de dívidas realizadas junto a instituições financeiras.
Os detalhes sobre os empréstimos que foram autorizados para os estados foram publicados pela revista Isto É. De Acordo com a publicação, além do Acre, os Estados de Minas Gerais, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Alagoas, Sergipe, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pernambuco e Pará tiveram autorizações publicadas no DOU. A medida faz parte do pacote de bondades que o presidente presidente Michel Temer concedeu no jantar oferecido aos governadores.

Fonte: ac24horas

Nenhum comentário