RADIO BOAS NOVAS ON LINE

RÁDIO BOAS NOVAS ON LINE, CLIQUE NO PLAYER

Últimas Notícias

Previsto para ser entregue esse mês, obras de parque avaliado em R$1 milhão nunca foram iniciadas em Rio Branco

Os materiais da obra parque ‘Cidade da Criança’, estipulado em mais de 1 milhão de reais, no bairro Apolônio Sales, em Rio Branco, foram retirados do espaço onde seria instalado. O parque que estava previsto para ser entregue neste mês, sequer começou a ser construído e as placas com informações de prazos e valores da obra foram retiradas do local. 
https://s2.glbimg.com/tDAkjYZbC2Klrn3uKedyGVTkTgg=/0x0:1280x720/1000x0/smart/filters:strip_icc()/i.s3.glbimg.com/v1/AUTH_59edd422c0c84a879bd37670ae4f538a/internal_photos/bs/2017/W/w/ozpiQTRAuCSQ2JgAMgfA/img-20171113-wa0020.jpgPlacas e cercados da construção do Parque Cidade da Criança foram retiradas do local. Obras não foram iniciadas. (Foto: Arquivo pessoal)  
A reportagem entrou em contato com a Prefeitura de Rio Branco e com a Secretaria de Obras do município, mas não conseguiu contato até a publicação desta reportagem.
A dona de casa Elza Ferreira disse que a única movimentação que houve durante o período de cinco meses foi a dos trabalhadores colocando o cercado no local e as placas de anúncio com início das obras no mês de junho e depois fazendo a retirada do cercado e dessas mesmas placas agora em novembro, que seria o prazo de entrega do parque.
“Fizeram só isso mesmo. Passaram uns dias e aí foram embora e não voltaram mais”, disse a moradora do bairro. 
 Os moradores chegaram a reunir a comunidade para falar da construção. “Foi feita uma reunião aqui, mas, por enquanto, não foram iniciadas as obras”, disse o funcionário público Marcílio Cesário.  
O missionário Edison dos Santos lamenta que a construção não tenha sido iniciada. “Era uma expectativa, porque ao olhar a comunidade nós não temos nada. Temos um campo na entrada da comunidade, mas foram as próprias pessoas da comunidade que fizeram”, lamentou.
A área chegou a ser demarcada, mas agora está coberta pelo mato. O valor da obra estava estimada em R$1.116.795,04. Os moradores não compreendem o que aconteceu. “Começaram em julho, e não tem nada até agora. Não sei o que tá acontecendo”, disse Edison dos Santos. 

Fonte: G1

Nenhum comentário